quinta-feira, 21 de junho de 2018

Segurança Pública e Saúde na pauta do Programa Flávio Azevedo

Flávio Azevedo
O Programa Flávio Azevedo dessa quinta-feira (21/06), entre outros assuntos trata do tema Saúde. A programação começa tratando de Segurança Pública e noticiando os constantes assaltos que seguem acontecendo no município, sobretudo em localidades muito próximas das rodovias que cortam o município.

Também reproduzimos entrevista com o secretário municipal de Agricultura de Rio Bonito, Ricardo Nascimento, que comenta a aprovação pela Câmara Municipal do Plano de Recuperação Rural de Rio Bonito e a assinatura do convênio entre Prefeitura e Emater-Rio.

Na segunda parte do Programa Flávio Azevedo dessa quinta-feira (21/06) a pauta é Saúde, outro presente que nos será oferecido pela Clínica Viver Med. Visita o programa a médica alergista Simone Russo. Participe, deixe o seu comentário e concorra ao sorteio de uma limpeza dentária inteiramente grátis na Clínica Viver Med. O sorteio acontece nessa sexta-feira (22/06).

quarta-feira, 20 de junho de 2018

Agenda 21 de Rio Bonito segue tratando temas relevantes

Flávio Azevedo
Equipe da Agenda 21 RB que se reuniu no último mês de maio.
No último mês de maio nós tivemos uma reunião muito produtiva na Agenda 21 de Rio Bonito. Na pauta, qualificação, capacitação profissional e caminhos para preparar os nossos jovens que geralmente não podem ser absolvidos pelas poucas vagas de trabalho oferecidas na cidade, por conta da falta de formação, cenário que força as empresas que se instalam no município a trazer mão de obra de outros centros. 

No próximo dia 25 de junho, uma segunda-feira, às 18h30min, nós iremos retomar a pauta e empresários estão convidados a participar conosco da reunião, para juntos traçarmos um plano de ação que ao menos amenize essa questão. 
Também é pauta da reunião o Estacionamento Rotativo. O proprietário da empresa que explora o serviço, o empresário Marcos Henrique Figueiredo; estará presente para responder questionamentos, dar esclarecimentos e ouvir sugestões. 

A reunião da Agenda 21 de Rio Bonito tem entrada franqueada a todos que quiserem participar e acontece no Espaço Interação, na Av. Lacerda, nº 99, no Centro de Rio Bonito (em frente à Casa da Amizade). E vamos em frente participando e contribuindo!

Crônica de Brasil x Suíça na Copa da Rússia

Flávio Azevedo
O jogador Philippe Coutinho marcou o gol da Seleção Brasileira.
Está na cara que a Seleção Brasileira não apresentou o Futebol que vinha mostrando nos últimos jogos. Vale ressaltar que nesses momentos uma jogada individual ou um lance fortuito pode decidir a nosso favor, mas o árbitro não deixou esse imponderável atuar. 

O gol suíço foi irregular (o zagueiro Miranda foi empurrado) e houve uma penalidade clara em Gabriel Jesus quando a partida já estava empatada. A Seleção Brasileira não fez uma boa apresentação, mas o pior em campo foi árbitro mexicano. 

O tal árbitro de vídeo, a grande novidade da Copa do Mundo, até aqui só ajudou a França. Numa partida com lances que foram decisivos no resultado, cadê o tal árbitro de vídeo? Encerro destacando o novo time suíço, hoje, com mais molejo e técnica.

OBS: começar qualquer competição empatando ou até perdendo é ótimo, sobretudo para o time! Baixa a bola da rapaziada, acaba com o tradicional oba-oba do torcedor, mostra que é preciso jogar sério e dedicar-se um pouquinho mais... Vamos, agora, na sexta-feira (22/06), às 9h, enfrentar a Costa Rica.

Programa Flávio Azevedo entrevista presidente do Iprevirb

Flávio Azevedo
O Programa Flávio Azevedo dessa quarta-feira (20/06) já está no ar. Reproduzimos, hoje, entrevista com o presidente do Instituto de Previdência dos Servidores Municipais de Rio Bonito (Iprevirb), José Antônio Cardoso. Ele recebeu nossa reportagem nessa terça-feira (19) e conversou conosco sobre o encontro entre os representantes da Prefeitura de Rio Bonito e do Iprevirb que foi mediado pelo Ministério Público a fim de buscar soluções para os débitos do município com o Iprevirb ao longo dos 15 anos de existência da autarquia.

Também conversamos sobre os seguidos atrasos nos pagamentos, a provável mudança de banco tomador, por conta dos últimos problemas enfrentados pelos aposentados e pensionistas que recebem pela Caixa Econômica Federal e também dialogamos sobre as possibilidades de mudança no regime previdenciário, com a criação de uma associação de servidores municipais e/ou retornando os benefícios para o INSS.

Mais um assalto na Estrada da Jacuba em Rio Bonito

Flávio Azevedo
Segue a rotina de assaltos que vitimam os riobonitenses que moram em localidades próximas as rodovias que cortam o município. Na tarde dessa quarta-feira (20/06), a vítima foi um morador da Jacuba. Por volta das 17h30min, próximo da fábrica Cardoces, um homem que seguia para casa em sua motocicleta foi abordado por dois elementos que também estava de moto. Os ladrões mostraram a arma e levaram a motocicleta da vítima, uma Fan 150, cor preta, placa LMF – 1189. Um dos ladrões estava sem capacete.

O nossa fonte, que também mora no bairro, comenta que “moradores da Jacuba estão sendo vítimas de assalto com regularidade no caminho para casa”. Ele destaca que também já foi vítima de ladrões há cerca de um ano. O seu carro foi roubado e nunca mais foi encontrado. Ainda segundo a nossa fonte, esse é o terceiro assalto no trecho em cerca 30 dias.
– Por conta do trabalho, por causa da faculdade, muitos vizinhos precisam transitar por ali tarde da noite ou de madrugada, mas fazemos isso com muito medo, porque estamos expostos e desprotegidos – alerta.

A denúncia vai ao encontro da queixa de uma moradora, também do bairro Jacuba, que chegou aos nossos canais de comunicação há alguns meses. Ela revelou que "moradores do bairro estão deixando de ir a igreja a noite, porque estão com medo de serem assaltadas". A população pede Segurança e mais policiamento.

Assalto na madrugada

Os marginais estão por toda parte e os bairros mais atraentes para os ladrões são aqueles que estão próximo das rodovias. Na madrugada dessa quarta-feira (20/06), por exemplo, a vítima de assaltantes foi o restaurante do Parque Indiano. Um homem branco, magro, alto, num Furgão branco, foi um dos autores do delito.

Mais de 4,8 mil vagas para o ProUni no Rio de Janeiro

Estudantes interessados em se candidatar para o segundo processo seletivo de 2018 do Programa Universidade para Todos (ProUni) já podem consultar as vagas disponíveis por meio do endereço https://prounialuno.mec.gov.br. As inscrições para o Programa abrem dia 26, próxima terça-feira. No Rio de Janeiro, serão ofertadas 4.868 vagas para bolsas integrais e parciais.

Para se candidatar, é necessário ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2017, ter alcançado no mínimo 450 pontos e ter tido nota superior a zero na redação. Importante lembrar que as notas de outras edições do Enem não valem para pleitear uma bolsa. Além disso, só podem participar alunos brasileiros que não possuem curso superior e que tenham cursado o ensino médio completo na rede pública ou como bolsista integral na rede privada. Alunos que fizeram parte do ensino médio na rede pública e a outra parte na rede privada na condição de bolsista ou que sejam deficientes físicos ou professores da rede pública também podem solicitar uma bolsa.

O candidato que quiser uma bolsa integral deve ter uma renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio. As bolsas parciais de 50% são destinadas aos alunos que têm uma renda familiar per capita de até três salários mínimos. Quem conseguir uma bolsa parcial, e não tiver condições financeiras de arcar com a outra metade do valor da mensalidade, pode utilizar o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Os resultados com a lista dos candidatos pré-selecionados estarão disponíveis na página do ProUni na internet, a partir do dia 2 de julho para a primeira chamada, e 16 de julho para a segunda.

Programa 

O ProUni é um programa do Ministério da Educação que concede bolsas integrais e parciais de 50% em cursos de graduação e sequenciais de formação específica em instituições de ensino superior privadas. As instituições que participam do programa têm isenção de alguns tributos. Desde que foi criado, em 2004, o ProUni já atendeu 2,5 milhões de estudantes, sendo que 70% com bolsas integrais.

Fonte: O Dia

Secretário de Agricultura de RB prepara avanços para o setor

Flávio Azevedo
Encerrada a sessão Legislativa dessa terça-feira (19/06), ocorrida de maneira itinerante na Associação de Moradores do Basílio, a nossa reportagem conversa com o secretário de Agricultura de Rio Bonito, Ricardo Nascimento. Em nossa pauta os efeitos do Plano de Desenvolvimento Rural de Rio Bonito, aprovado na respectiva sessão Legislativa; e o convênio entre Prefeitura de Rio Bonito e Emater-Rio, assinado no dia anterior.

Viúva da Mega-Sena volta para a cadeia

A viúva da Mega-Sena, Adriana Almeida foi presa em Tanguá.
Policiais civis da Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos (Desarm) do Rio de Janeiro prenderam, no final da tarde desta quarta-feira (20), Adriana Ferreira Almeida Nascimento, conhecida como "Viúva da Mega-Sena". A mulher é viúva de Renné Senna, ex-lavrador que ganhou R$ 52 milhões na Mega-Sena, em 2007.

Considerada foragida, Adriana Almeida foi presa no bairro Bandeirante, em Tanguá, na Região Metropolitana, numa residência que segundo a polícia era usada como esconderijo. Aos policiais que fizeram a prisão, Adriana contou que estava vivendo na casa desde que foi decretada a sua prisão, em abril. Disse que não se entregou antes porque “seguiu ordens do advogado”. O imóvel, com paredes pintadas de azul e telhas brancas, ainda contava com uma piscina e um jardim. De acordo com Adriana, a casa é de sua família.
O ex-marido e ex-lavrador Renné Senna foi executado a tiros em 7 de janeiro de 2007 em Rio Bonito, também na Região Metropolitana. Seis pessoas foram acusadas do crime, entre elas a viúva da vítima.

Segundo as investigações, Adriana Almeida teria dado a ordem para morte do marido após ele ter dito que ela ficaria fora do testamento, pois sabia que estava sendo traído.

Os policiais da Desarme chegaram à mulher por meio de troca de informações com agências de inteligência e unidades de polícia. A Justiça fluminense condenou Adriana Almeida à pena de 20 anos de prisão.

Fonte: G1

Sessão Legislativa de Rio Bonito - 19/06/2018

Flávio Azevedo
Sessão Legislativa de Rio Bonito - 19/06/2018

250 mil pessoas ainda não sacaram o PIS/PASEP no Rio

Mais de 250 mil trabalhadores dos setores privado e público no Estado Rio ainda não retiraram o abono salarial do programa PIS/Pasep. Os valores podem chegar a um salário mínimo (R$954) para quem tem direito ao benefício. De acordo com o Ministério do Trabalho, mais de R$ 184,2 milhões estão à espera de 250.748 funcionários da iniciativa privada e servidores no Rio. Em todo o país, 2,2 milhões de pessoas não sacaram mais de R$ 1,64 bilhão. O prazo termina no dia 29 deste mês.

Os dados divulgados nesta terça pela pasta foram levantados no fim do mês de maio. Os recursos são referentes ao ano-base 2016 e começaram a ser pagos em 27 de julho de 2017. O abono é liberado proporcionalmente ao tempo que o empregado que trabalhou em 2016 com vínculo empregatício e ter tido remuneração média de até dois salários mínimos.

Quem atuou durante todo o ano recebe o valor completo (R$ 954). Os que trabalharam apenas 30 dias, por exemplo, receberão o valor mínimo, ou seja, de R$ 80. Além de ter trabalhado, para ter direito ao abono, é necessário estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

Os empregados da iniciativa privada, vinculados ao PIS, sacam o dinheiro na Caixa Econômica Federal. É possível consultar em (https://servicossociais.caixa.gov.br/internet.do?segmento=CIDADAO01). É preciso informar o número do PIS (geralmente registrado na Carteira de Trabalho) e digitar a senha. Quem não tem código, pode cadastrar na página de consulta.

Já os servidores devem procurar uma agência do Banco do Brasil. Por meio do aplicativo (https://www.bb.com.br/pbb/pagina-inicial/setor-publico/governo-federal/gestao/gestao-de-recursos/pagamento-de-ordens-bancarias,-salarios-e-beneficios/pasep/aplicativo-bb-pasep#/) que precisa ser baixado e instalado, para o trabalhador fazer a consulta se os valores estão disponíveis.

Fonte: O Dia