terça-feira, 30 de abril de 2013

Presos ladrões de carros em Rio Bonito


Flávio Azevedo

A partir da esquerda: Cristiano, Romero e Paulo Vitor.
Policiais militares prenderam por volta das 3h30min dessa terça-feira (30/04), Romero Balbi Patrício Neto (28), Paulo Vitor Teixeira da Silva (27) e Cristiano Romano Borges (27), que haviam realizado uma série de roubos de veículos durante essa terça-feira (29/04). Romero e Paulo Vitor são moradores de Niterói. Já Cristiano, também conhecido como "Calango", é morador da Serra do Sambê. Todos têm passagem pela Polícia. Eles estavam num Ford Fiesta Vermelho, no Centro de Rio Bonito, no Posto Shell, localizado no cruzamento da Rua Dr. Mattos, com Av. Sete de Maio e Rua Pinto Coelho Júnior. O veículo em que o trio estava havia sido roubado em Tanguá há poucas horas.

Ao avistar o Ford Fiesta, os policiais militares, Vitor Valeriote e Paulo César Rocha, que haviam sido comunicados sobre o roubo de um Fiesta, em Tanguá, abordaram os suspeitos. Com eles foi encontrado um revolver Rossi, calibre 32, com quatro munições intactas e duas deflagradas. Também encontraram bijuterias e eletroeletrônicos, que posteriormente os policiais descobriram ser produto de roubo feito em Niterói, também nessa terça-feira.

Os marginais foram, segundo a polícia, os autores do roubo do Pálio Branco, placa LCB – 8097, de propriedade do motorista Tiago Pereira Faria, que chegava a sua casa, por volta das 21h, na Rua Dr. Celso Peçanha Filho, próximo a confecção de Jeans W One. De posse do Pálio, os marginais foram para Tanguá, onde abandonaram o veículo, mas antes roubaram o Ford Fiesta vermelho, em dinâmica muito semelhante a que usaram com Tiago.

Uma vez detidos, a investigação da Polícia Civil descobriu que os bandidos, moradores de Niterói, também nessa terça-feira, haviam roubado um Toyota Prado. A abordagem dos bandidos, segundo as vítimas, foi similar a que empregaram nos assaltos de Tanguá e Rio Bonito. Segundo o registro feito na 119ª DP, os bandidos dispararam um tiro nos assaltos de Rio Bonito (tiro para o alto) e Niterói (tiro contra as vítimas).

Os marginais, segundo os policiais civis, foram reconhecidos pelas vítimas e serão encaminhados ao presídio de Bangu II.

OBS: na reportagem do roubo, nós informamos que o carro levado pelos bandidos tinha sido um Gol Bolinha. Na verdade, o carro roubado foi um Fiat Pálio Branco. As testemunhas do crime estavam tão nervosas que deram a informação equivocada! 

Vereador Marquinho da Luanda Car defende investimento em Segurança e ordenamento da cidade


Flávio Azevedo

O vereador Marcos da Luanda Car durante o programa Flávio Azevedo.
O vereador Marcos Fernando da Fonseca, o Marquinho da Luanda Cara (PMDB) visitou o programa Flávio Azevedo, no último dia 05 de abril. Na oportunidade ele tratou de inúmeros assuntos que estão sendo debatidos pela sociedade riobonitense. Mudanças na Guarda Municipal, “matéria que depois de muitos anos tramitando na Câmara, nós aprovamos”; o ordenamento do Centro da cidade, “que deve envolver todos os munícipes”; a valorização da família, “os pais precisam mostrar aos filhos como aproveitar a juventude de maneira responsável”, foram alguns temas pensados pelo parlamentar durante a entrevista.

Sobre as mudanças na Lei que dá nova dinâmica a Guarda Municipal, aprovada no dia 04 de abril, o vereador comenta que o setor precisava ser reestruturado. “Através da concessão de benefícios aos guardas, eles poderão ser, inclusive, mais cobrados pelo município”. Sobre a possibilidade de multar motoristas infratores, que também foi aprovado pela Câmara, o parlamentar afirma que “não é caminho que gostaríamos de tomar, mas o brasileiro só muda de atitude quando dói no bolso”.
– Com essa medida nós estamos acreditando que o Trânsito ficará melhor. Os espaços aparecerão e as infrações que incomodam a todos nós serão evitadas. O objetivo não é arrecadar, mas dar ordenamento e disciplinar os nossos motoristas que estão precisando de alguns limites, porque do jeito que está não pode continuar – pondera.

O parlamentar também comentou a implantação do Estacionamento Rotativo. Segundo ele, a cobrança vai impedir que a pessoa venha de casa de carro, estacione no Centro da cidade e vá trabalhar no Rio de Janeiro e Niterói, o que tira a vaga de quem fica na cidade. A criação de um bicicletário e de ciclovias é outra ideia defendida pelo vereador. “Em Cabo Frio, por exemplo, na área do bicicletário é oferecido um café da manhã para estimular o trabalhador a usar a bicicleta no seu dia-a-dia”.

Sugestão do jornalista Flávio Azevedo, a criação de uma “Guarda Municipal Mirim”, que deve ser composta por crianças que vivem em localidades carentes, foi apoiada pelo vereador que vê na ideia uma ferramenta para dar disciplina as crianças e adolescentes. “Seria um instrumento excelente para escola, para o conselho tutelar e para as famílias. Muitas crianças deixariam práticas erradas ou sequer entrariam nesses caminhos”, destacou Marquinhos, acrescentando que os pais precisam ter mais atenção sobre os seus filhos.

Pai de três filhos, o parlamentar comenta que em alguns momentos as famílias estão abrindo mão da função de educar. “Nós precisamos corrigir as nossas crianças, adolescentes e jovens, mostrando a eles que a vida oferece opções de diversão e lazer que não apresentam risco a integridade física deles e dos outros”. O vereador acrescenta que a prática do esporte, “investimento que Rio Bonito não tem priorizado”, é uma alternativa que eleva a auto-estima dos mais jovens.
– Nós precisamos defender as agremiações esportivas do município, os núcleos esportivos devem ser estimulados pela Prefeitura e, por conta da nossa natureza rica em água e área verde, nós podemos estimular a criação de trilhas para caminhada, para o ciclismo, o motociclismo e automobilismo – concluiu o vereador.

Marcos Abrahão visita a Câmara de Vereadores de Rio Bonito


Flávio Azevedo

Convidado pelo vereador Aissar Elias de Moraes (PTN), o deputado Marcos Abrahão (Pt do B) esteve na sede do poder Legislativo riobonitense no último dia 9 de abril. O seu objetivo foi fornecer informações sobre setores do governo do Estado que não estariam funcionando a contento no município, sobretudo o Detran. O deputado iniciou a sua fala externando a sua satisfação em retornar a Câmara de Vereadores, “onde comecei a minha carreira política”; e afirmou que está sempre a disposição dos políticos locais na busca por benefícios para Rio Bonito.
– Houve um boato na cidade que o Detran iria fechar, estava acabando, mas o que houve foram algumas mudanças na contratação da empresa que auxilia os serviços de vistoria – ponderou Abrahão, acrescentando que “Itaboraí e Araruama têm postos de vistoria, Rio Bonito precisa ter também, mas nós precisamos de uma área apropriada”.

O deputado afirmou que tomou conhecimento de que a prefeita Solange Almeida (PMDB) vai liberar uma área, próxima ao Fórum, para abrigar o novo Detran e ressaltou que “uma vez liberado o local, em curto espaço de tempo o Estado viabiliza a transferência do Detran para o novo endereço e todos os serviços que são prestados pelo órgão, como vistoria, confecção de Carteira de Identidade etc., também irão para lá”.
– O meu gabinete está aberto, independentemente do partido político da pessoa que vai me procurar. Caso não queira ir até a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), a minha casa está aberta. Caso não queiram ir a minha casa, diariamente eu estou ali no Bonitão ou no Bonitinho, na Cidade Nova. Eu estou a disposição de Rio Bonito e não podemos mais errar! Eu não durmo no Rio de Janeiro, retorno todos os dias, eu tenho amizade com todos os secretários estaduais, inclusive, com o governador; e precisamos aproveitar isso para buscar os benefícios que a nossa cidade necessita – discorreu.

Sobre a sua atuação como parlamentar, o deputado esclareceu que “no meu gabinete não existe atendimento partidário”. Ele afirmou que tem atuado bastante e as diferenças de pensamento que existe com a prefeita Solange Almeida (PMDB) não podem impedir que os recursos provenientes do estado cheguem a cidade.
– Quando eu fui eleito pela primeira vez como deputado eu sofri uma série de acusações, eu não consegui exercer o meu mandato e isso ocorreu exatamente nos dois últimos anos da prefeita. Quando o prefeito José Luiz Antunes assumiu, em 2005, a minha situação estava mais tranquila e trouxemos muitos benefícios para Rio Bonito. As pessoas precisam saber que depois das eleições todos nós somos riobonitenses – disparou Abrahão, destacando que o vereador não é prefeito e o prefeito não pode fazer tudo. “O deputado não é governador e eles não podem fazer tudo. Tentei ser prefeito, não consegui, mas não é por isso que eu vou torcer contra quem foi eleito! Não pode ser assim e estarei aqui sempre que for convidado pelos vereadores!”.

O deputado Marcos Abrahão
Pregando a união entre os políticos locais, Abrahão ressaltou que as diferenças partidárias e particulares precisam ser deixadas de lado e usou como exemplo a sua relação com o deputado estadual Paulo Melo, antigo desafeto. “Muitos afirmam que eu não me dou com Paulo Melo. Se existe alguma diferença entre nós, isso é problema meu e dele, mas ele é o melhor presidente que já passou pela Alerj, nos meus três mandatos de deputado. Eu posso ter alguma diferença de pensamento com ele, mas isso não pode impedir que eu reconheça a boa gestão que ele faz a frente da Alerj”.

O deputado voltou a dizer que tem cobrado da Secretaria Estadual de Segurança Pública, “e não é de hoje”, o aumento do efetivo policial em Rio Bonito, “mas não estamos sendo atendidos, por conta dos projetos que o Estado tem relacionados a Copa do Mundo e Olimpíadas”. Ele acrescentou que o governo do Estado está dando um choque de ordem na Capital, o policiamento cresce por lá e reconheceu que a marginalidade acaba migrando para o interior.
– Estamos vendo isso, estamos pedindo, cobrando, mas é uma dificuldade muito grande. Eu já venho lutando há algum tempo para que Rio Bonito tenha um Batalhão da Polícia Militar, por que o 35º Batalhão, localizado em Itaboraí, não está dando conta de oferecer Segurança aos demais municípios, por conta do crescimento da região – concluiu o parlamentar.

segunda-feira, 29 de abril de 2013

Bandidos roubam carro de morador que chegava em casa, em Rio Bonito


Flávio Azevedo

Noite de segunda-feira (29/04), por volta das 21h30min, um morador da Rua Celso Peçanha Filho, próximo a confecção de Jeans W One, em Rio Bonito, passou por momentos de desespero. Ao chegar a sua residência e posicionar o carro, um Gol (bolinha) branco, diante do portão da garagem, ele foi rendido por marginais armados. Além de levar o veículo, os bandidos deram um tiro, sem direção, segundo testemunhas, com arma de grosso calibre.

A ironia das ironias é que o crime acontece cerca de uma semana depois da divulgação de que os policiais lotados em Rio Bonito (Militar e Civil) receberam gratificação do governo do Estado por terem diminuído os índices de violência na cidade.

Moradores da localidade pedem Segurança, voltam a falar da urgência de se acabar com um ferro velho de beira de rua que existe no local (onde os bandidos estariam escondidos) e cobram iluminação para o trecho. Com a palavra as autoridades, que estão ouvindo essa mesma reclamação há cerca de cinco anos, mas não tomam providências!

Reflexão

Qual a sensação de chegar em casa e ser recepcionado por bandidos e ter o seu carro roubado? Pois foi o que aconteceu com Tiago. A vítima acaba de entrar para a triste e real estatística dos roubos a mão armada que estão acontecendo em Rio Bonito. Já a cidade, há algum tempo figura na estatística de município que mais tem político incompetente no país!

Quem discordar da minha colocação (“políticos incompetentes”) experimenta ter o carro ou moto roubados por um vagabundo, que você vai usar adjetivos muito mais ácidos para classificar essa turminha que deveria estar trabalhando mais e falando menos.

Há alguns meses o delegado titular da 119ª DP, Paulo Henrique da Silva Pinto, em participação no Conselho Comunitário de Segurança (CCS) disse que a quadrilha de ladrões está em busca de carros com pelos menos cinco anos de uso.

Por outro lado, um apagão de luz e administrativo se abateu sobre Rio Bonito nos últimos meses. Diz um adágio popular, que “Deus ajuda quem trabalha” e nós, riobonitenses, não estamos trabalhando. Refiro-me a votar com responsabilidade, porque esse revezamento de 20 anos em nossa Prefeitura, nem Deus, com toda a sua paciência, aguenta mais!

Recentemente, as pessoas tinham medo de sair de casa, agora, além do medo de sair, surge o medo de voltar, sobretudo quando os postes estão todos apagados, uma realidade triste e deprimente da Rio Bonito de hoje. Enquanto isso, na “Casa Verde” (Prefeitura), o sono continua imperando! Zzzzzzzzzzz! Zzzzzzzzzzz!

OBS: na reportagem do roubo, nós informamos que o carro levado pelos bandidos tinha sido um Gol Bolinha. Na verdade, o carro roubado foi um Fiat Pálio Branco. As testemunhas do crime estavam tão nervosas que deram a informação equivocada! 

Gratificação por redução de criminalidade será ampliada no próximo semestre

Governador anunciou que bonificação para policiais civis e militares terá aumento de 50%
A partir do próximo semestre, os policiais civis e militares que cumprirem metas por redução de criminalidade irão ganhar acréscimo de 50% nas gratificações. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (24/4) pelo governador Sérgio Cabral, durante a cerimônia do Sistema Integrado de Metas (SIM), realizada no Teatro João Caetano. Com a missão cumprida, 11.749 policiais receberam o reconhecimento do governador e do vice-governador e coordenador de Infraestrutura, Luiz Fernando Pezão. Os agentes conseguiram diminuir os índices estratégicos de criminalidade nas suas áreas de atuação no segundo semestre de 2012 e ganharam prêmios que variam entre R$ 3 mil e R$ 9 mil, com gratificações que somam R$ 50,5 milhões.
– Devemos ter consciência de que essa conquista é valiosa para vocês e a sociedade. Nosso caso é reduzir homicídio, latrocínio e roubo a veículo. Esse processo de conquistas que obtivemos tem permitido avanço ao Rio. Há uma mudança no patamar da Segurança Pública em termos de orçamento. Em 2007, os recursos não chegavam a R$ 3 bilhões. Hoje, representa mais de R$ 7 bilhões. E vamos continuar com esse programa de meritocracia. Vamos ter um reajuste de 50% para a premiação para o próximo semestre: o que era R$ 3 mil vai para R$ 4,5 mil, por exemplo – afirmou Cabral.

Através de suas ações e estratégias, os policiais foram responsáveis pelas quedas nas ocorrências de Letalidade Violenta (somatório de homicídios dolosos, autos de resistência, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte), Roubo de Veículos e Roubo de Rua (roubo a pedestres, de celulares e a ônibus). A premiação é dividida em três níveis: Regiões Integradas de Segurança Pública (RISP), Áreas Integradas de Segurança Pública (AISP) e unidades especializadas.

Alguns beneficiados

Todas as AISPs que cumpriram as metas dos índices considerados estratégicos pela Secretaria de Segurança receberão gratificações no valor de R$ 3 mil. São elas: AISP 2 – 2º BPM (Botafogo) e 9ª DP (Catete), 10ª DP (Botafogo); AISP 5 – 5º BPM (Praça da Harmonia) e 1ª DP (Praça Mauá), 4ª DP (Praça da República), 5ª DP (Gomes Freire), 7ª DP (Santa Teresa); AISP 9 – 9º BPM (Rocha Miranda) e 28ª DP (Campinho), 29ª DP (Madureira), 30ª DP (Marechal Hermes), 40ª DP (Honório Gurgel); AISP 10 – 10º BPM (Barra do Piraí) e 88ª DP (Barra do Piraí), 91ª DP (Valença), 92ª DP (Rio das Flores), 94ª DP (Piraí), 95ª DP (Vassouras), 96ª DP (Miguel Pereira), 97ª DP (Mendes), 98ª DP (Engenheiro Paulo de Frontin); AISP 14 – 14º BPM (Bangu) e 33ª DP (Realengo) e 34ª DP (Bangu); AISP 23 – 23º BPM (Leblon) e 14ª DP (Leblon) e 15ª DP (Gávea); AISP 28 – 28º BPM (Volta Redonda) e 90ª DP (Barra Mansa), 93ª DP (Volta Redonda), 101ª DP (Pinheiral); AISP 35 – 35º BPM (Itaboraí) e 71ª DP (Itaboraí), 70ª DP (Tanguá), 119ª DP (Rio Bonito), 120ª DP (Silva Jardim), 159ª DP (Cachoeiras de Macacu); e AISP 36 - 36º BPM (Santo Antônio de Pádua) e 135ª DP (Itaocara), 136ª DP (Santo Antônio de Pádua), 137ª DP (Miracema), 142ª DP (Cambuci), 155ª DP (São Sebastião do Alto).

Fonte: Subsecretaria de Comunicação Social do Governo do Estado

Joaquim Barbosa e o cinismo brasileiro


Flávio Azevedo

O ministro Joaquim Barbosa
A modinha agora é defender o nome do ministro Joaquim Barbosa, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), para a Presidência da República. Bom, já que ninguém fala, eu digo. Vamos deixar a hipocrisia de lado, porque somos um povo que na sua essência – me desculpe aqueles não fazem parte disso – adora uma sacanagem!

Nós somos ávidos pelo que é proibido, gostamos de usar o que não nos pertence, nos aproveitamos de toda e qualquer corrupção, damos dinheirinho para o guarda, vendemos o nosso voto, compramos vaga em qualquer concurso, a pirataria é uma fonte de renda que movimenta bilhões em nosso país... E viemos falar de boca cheia que ele tem que ser presidente porque é um homem sério? Ah, chega dessa hipocrisia! Basta!

E, repito: essa é uma equação que não fecha! Queremos políticos sérios e honestos, mas não prezamos pela seriedade e pela honestidade em nosso dia-a-dia! Vamos fazer o seguinte: “sejamos exemplos em nossa própria casa e para aqueles que estão ao nosso redor. Depois então pensemos na Presidência da República! Feito isso, não faltará nome limpo para ocupar o lugar mais importante do nosso país!".

Rio Bonito participa do projeto “Estrada para a Cidadania”, da CCR ViaLagos



A prefeita Solange Almeida e o diretor presidente da CCR Via Lagos, Márcio Roberto de Moraes Silva.
Na última quarta-feira (24) a prefeita Solange Almeida assinou o termo de adesão ao programa Estrada para a Cidadania, realizado pela CCR ViaLagos, nos municípios que são cortados pela RJ-124, rodovia que é administrada pelo Grupo CCR. A cerimônia foi realizada no salão de festas da Loja Maçônica Jamil Kauss, na rua 7 de Setembro, 357, na Praça da Bandeira, em Araruama.

De acordo com o diretor presidente da CCR ViaLagos, Márcio Roberto de Morais Silva, o programa Estrada Para a Cidadania orientará neste ano 16.500 mil estudantes e capacitará 820 professores do quarto e quinto anos do ensino fundamental dos seis municípios. A Educação para o Trânsito é destinada às crianças do 4º ano e a Educação Ambiental é abordada entre os alunos do 5º ano.

Será fornecido gratuitamente para as secretarias de educação dos municípios parceiros os livros dos alunos, os livros dos professores e as oficinas de capacitação de conteúdo, e promove ações públicas de cidadania para os estudantes.  Visando a inclusão de professores e alunos com deficiência visual, todo o material também é produzido em Braille.

O Fluminense, o Maracanã e os tresloucados políticos cariocas


Flávio Azevedo

Luzes e muito brilho no evento teste do Estádio Mario Filho, o Maracanã.
Esse governador do Estado do Rio de Janeiro, o Sr. Sérgio Cabral (PMDB) é realmente um “pastel”. Definido que teremos uma final de Campeonato Carioca entre Botafogo e Fluminense, as equipes terão que se enfrentar lá na PqP, ou seja, em volta Redonda. Se já tem muita gente de olho no lucro que podem obter com a concessão do Maracanã, vale lembrar que a sua reforma – mais uma entre tantas – foi custeada por mim e por você, porque usaram o dinheiro dos nossos impostos para fazer as obras do nosso “Maraca”.

Depois de vermos todos os estádios da Copa do Mundo de 2014 serem inaugurados com grandes jogos, o Maracanã, símbolo do futebol brasileiro, sobretudo do “esporte bretão” carioca, teve como jogo de abertura uma pelada de gente famosa, entre eles o gorducho Ronaldo Fenômeno. O interessante é que além de ninguém dizer nada, alguns querem nos forçar a encarar como coisa normal, uma decisão de Campeonato Carioca na simpática “Cidade do Aço”.

Se Cabral (o governador) não diz nada, o presidente da SUDERJ, deputado André Lazaroni, também do PMDB, nada diz. A mesma doença, o mutismo, atinge Rubens Lopes, presidente da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FFERJ). O pior disso é que enquanto os torcedores terão que se deslocar para o “caixa prego” para ver a decisão do Carioca 2013, um Maracanã, novinho em folha, está ali ao alcance de todos. Que patifes esses governantes do nosso estado!

Aliás, a FIFA declarou que “autoriza e incentiva a realização de eventos teste nos estádios da Copa 2014 em grandes jogos”. Sendo assim, porque Botafogo e Fluminense não podem se enfrentar no histórico e tradicional Estádio Mário Filho? Eu não quero nem entrar na questão da barbeiragem do Engenhão, que foi construído esses dias e já está apresentando problemas estruturais.

Que o bom senso seja usado, pelo menos uma vez, pelos políticos do Estado do Rio de Janeiro. Aliás, na busca pela inédita TAÇA LIBERTADORES, o Fluminense poderá, em oportunidades futuras, precisar do Maracanã. E, diga-se de passagem, nada contra São Januário, mas seria uma grande cretinice dos mandachuvas do futebol e da política fluminense, se o tricolor carioca não puder mandar os seus jogos nessa competição de uma torcida só, no estádio que custou milhões de reais aos nossos bolsos!

Seria um tapa na cara do torcedor tricolor e botafoguense, ter que se dirigir a qualquer outro estádio, depois de termos o Maracanã inteiramente concluído! Repito: “que pelo menos uma vez prevaleça o bom senso!”.

sábado, 27 de abril de 2013

Não venda o seu voto

Flávio Azevedo

Quando o arrependimento bate e aquilo que foi prometido não acontece, não são poucos os que abordam uma atrocidade eleitoral chamada de “COMPRA DE VOTOS”. Eu concordo que essa epidemia de “trocar votos por dinheiro e favores pessoais” é a essência do desmando em nossa sociedade, mas não começou em outubro de 2012. Isso teve início há muitos anos e vem se agravando ao longo do tempo, a cada eleição. Os motivos nós também já sabemos: falta de Educação escolar e falência da Educação familiar.

Atualmente, as pessoas, sobretudo os mais novos, não aceitam limites. Por outro lado, quem está no poder saber ser lucrativo (dá voto) manter a coisa bagunçada. É o sujo de mãos dadas com o mal lavado. Esse assunto é importante, mas poucos políticos querem se debruçar sobre ele, porque as medidas resolutivas são impopulares e antipáticas.

Volto a dizer: “o povo tem o governo que escolhe”. E, acrescento: “os nossos políticos são os nossos representantes; logo, se o povo é desonesto, não conseguiremos políticos, que saem do povo, exemplos de honestidade e retidão”.

Os nossos representantes não são dinamarqueses, suíços ou Noruegueses. Eles são brasileiros, povo que notadamente é apreciador da corrupção, do ganho fácil, da boquinha e da lógica do “farinha pouca, o meu pirão primeiro”. Isso pode mudar? Claro que pode! Mas ainda vai levar muito tempo!

Nesse texto, eu estou me aprofundando no assunto compra de votos. Se você ler com calma verá que eu estou apontando as causas e motivações para a compra esse terrível mal. Como diria o capitão Nascimento: “o SISTEMA é foda” e ele acaba sendo mantido por que interessa a muitos.

Mas o que é o “SISTEMA”? Penso que é um conjunto de ações que nós impomos para nós mesmos. Por que o político se apropria do dinheiro que não é dele? Para comprar voto na época da eleição. Por que o eleitor vende o voto? Por que ele ignora essa máquina perversa que é montada para mantê-lo na desgraça e na ignorância. E, qual é o combustível disso? A ganância e o egoísmo de ambos.

Por fim: você já viu esses temas serem pensados em algum parlamento e por qualquer político? Você já viu esse tema ser abordado em qualquer mesa de botequim, novelas e programas de auditório? E, por que, não? Porque não interessa para ambos!

Concordando comigo ou não, eu deixo uma pergunta para você, caro leitor: “de que lado você está?”.

Rio Bonito reabre Centro Municipal de Equoterapia


Reportagem: Denilson Santos
Fotos: Rogério Rodrigues

Equipe multidisciplinar do setor de Equoterapia de Rio Bonito.
A prefeitura de Rio Bonito reabriu na manhã do último dia 12 de abril, o Centro Municipal de Equoterapia que estava fechado desde o ano passado. A equoterapia, método terapêutico e educacional que utiliza cavalos no tratamento, funciona no Complexo Agrícola, na localidade de Prainha. O Centro de Equoterapia de Rio Bonito conta com uma equipe multidisciplinar formada por dez profissionais, entre quatro fisioterapeutas, duas fonoaudiólogas, dois equitadores, um guia e uma veterinária, atendendo no momento, 20 crianças. Mas para os interessados ainda há vagas. O tratamento acontece toda segunda, quarta e sexta-feira, das 8 às 17 horas.

Segundo a Coordenadora do projeto, a veterinária Renata Brandão, o Centro de Equoterapia, ministrado através de uma parceria entre as secretarias de Agricultura, Educação e Saúde, utiliza o cavalo para simular o movimento do quadril, e também como agente promotor de ganhos físicos, psicológicos e educacionais para as crianças.
– Para utilizar o tratamento, a pessoa deve procurar um médico (neurologista) para fazer uma avaliação, em seguida procurar a nossa equipe multidisciplinar. Após traçar os objetivos para o praticante, como é chamada a pessoa que faz a equoterapia, começa o tratamento – garante Renata Brandão, que também afirmou que pretende aumentar a equipe multidisciplinar com a inclusão de uma assistente social e uma psicóloga no grupo.

O vice-prefeito Anderson Tinoco disse que a prefeitura pretende ampliar o atendimento que é feito pelo Centro de Equoterapia, que é um dos primeiros que foram implantados no Estado do Rio. “É uma imensa satisfação da nossa administração dá prosseguimento a esse projeto de grande importância para os moradores do município. Apesar de toda dificuldade no início do governo, viabilizamos toda infraestrutura para funcionamento da equoterapia. Temos muita fé, garra e determinação que iremos fazer um governo justo para todos”, afirma o vice-prefeito.

 Também estiveram presentes no evento os secretários municipais Luci Teixeira (Educação), Rosemary Cerqueira (Bem Estar Social), Ronaldo Oliveira (Esporte e Lazer), Max Belmont (Gestão), Felipe Costa Braga (Planejamento), Anselmo Ximenes (Saúde), Hedilberto Medina (Agricultura), Flávio Fernandes (Obras e Serviços Públicos), o vereador Marquinho da Luanda Car e pais de alunos que estão inscritos no projeto.

Rio Bonito faz campanha que ressalta a importância dos cuidados com a voz em todas as idades


Reportagem: Denílson Santos
Fotos: Rogério Rodrigues

Dona Elizabeth (E) participa do Dia Mundial da Voz.
"Quem cuida da voz sempre tem o que falar!". Esse é o tema central da campanha "Seja Amigo da Voz", promovido pela prefeitura de Rio Bonito, através da equipe de fonoaudiologia da secretaria de Saúde, em razão do Dia Mundial da Voz comemorado nesta terça-feira (16/4). A data é celebrada em todo Brasil, país pioneiro na iniciativa, pelo 14º ano consecutivo. Durante o evento, realizado na Praça Fonseca Portela, no Centro, foram montados vários estandes onde os moradores puderam tirar dúvidas sobre auto exame  bucal, verificar a pressão arterial e receber orientações sobre os cuidados para manter a voz saudável.

Durante a campanha foi lançada um folder com algumas dicas para manter a saúde da voz, como por exemplo,  tomar bastante água, não fumar cigarro ou qualquer tipo de droga, evitar ingestão de alimentos e bebidas quentes e abuso vocal (gritar), entre outros. "A Campanha da Voz deste ano visa promover a prevenção de doenças vocais e indicar os cuidados específicos em cada fase da vida", diz a fonoaudióloga Verônica Teixeira Vieira, Coordenadora Geral do Departamento Fonoaudiologia da secretaria de Saúde.

A prefeitura de Rio Bonito mantém duas equipes, compostas com um total de dez fonoaudiólogas, que atuam diariamente no Ambulatório Municipal de Boa Esperança e no Centro de Reabilitação na Bela Vista. Problemas na voz como o da aposentada Francisca Elizabeth de Almeida, 65 anos, que sofria com seguidos pigarros, rouquidão e perda da fala, são tratados nesses locais. “A minha voz sumia, tinha pigarro e secreção, mesmo não estando gripada, e não conseguia falar direito. Hoje, depois que comecei o tratamento há seis meses, já consigo falar normalmente”, afirma a moradora do Rio do Ouro.

Para fonoaudióloga Ellane Torres, que trata da Dona Elizabeth, a voz tem papel fundamental na vida das pessoas e eventos como esse tem o objetivo de disseminar atitudes saudáveis que conscientizem a população em relação a isso. "Campanhas como esta são importantes alertas que podem ajudar a identificar sintomas, favorecer o diagnóstico precoce de distúrbios vocais e indicar os melhores caminhos para o tratamento, o mais antecipado possível", garante a fonoaudiólogo, que também trata de professores, pastores de igrejas e vários outros profissionais que tem na voz o seu instrumento de trabalho.

Combate a Hipertensão foi tema de evento em Rio Bonito


Denilson Santos
Rogério Rodrigues

A campanha foi realizada na Praca Fonseca Portela, no Centro de Rio Bonito.
Inimiga silenciosa. Assim é conhecida a hipertensão arterial, doença que atinge cerca de 35% da população brasileira, com idade acima dos 40 anos e uma média de 4% das crianças e adolescentes, segundo dados da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC). Com o objetivo de diminuir esse índice da doença, a Prefeitura de Rio Bonito, através da Secretaria de Saúde, realizou um evento alusivo ao Dia Nacional de Combate Hipertensão Arterial, comemorado nesta sexta-feira (26/4), na
Praça Fonseca Portela, no Centro, das 9 às 13 horas. Com o tema “Eu Sou 12 por 8”, a campanha visa fazer um alertar a população a respeito dos perigos causados pela hipertensão, que é uma das doenças cardiovasculares mais comuns e um grave fator de risco para outras doenças do coração.

O evento contou com a participação de vários profissionais da área de saúde, como nutricionistas e técnicos de enfermagem, que fizeram a aferição da pressão, orientação nutricional, medição do abdômen, distribuição de folhetos explicativos sobre alimentação saudável, tabagismo, além de um “aulão” de educação física, com a participação de grupos da terceira idade.
– A hipertensão arterial ou pressão alta é caracterizada quando a
pressão arterial apresenta níveis elevados, associados a alterações no
metabolismo, nos hormônios e nas musculaturas cardíaca e vascular. Por
isso, o diagnóstico não pode ser feito em apenas um momento – explica a Coordenadora do Programa de Hipertensão e Diabetes (Hiperdia), Kelly Coelho Araújo, que mantém atendimentos diários de combate a doença no Centro do Coração, na Mangueirinha, das 8 às 16 horas.

Principais Cuidados

Quem não mantém hábitos alimentares saudáveis, ingere muito sal, não faz atividades físicas, ingere muita bebida alcoólica, é diabético ou tem histórico de familiares hipertensos, tem mais propensão a desenvolver a doença. Mesmo as pessoas que possuem pressão arterial controlada têm 50% a mais de chance de desenvolver o problema após os 55 anos.

Vida Saudável

A pressão alta é a porta de entrada de vários outros males. Infarto do coração, acidente vascular cerebral, insuficiência cardíaca e renal e impotência sexual são apenas algumas das complicações decorrentes da hipertensão. Quem é hipertenso e não faz o controle adequado pode ter uma redução na expectativa de vida de até
16 anos e seis meses. Um estilo de vida saudável, com atividade física regular, controle do peso, alimentação equilibrada, medições de uso constante, e acompanhamento médico periódico são importantíssimos para que a pressão arterial esteja sempre controlada.

Rio Bonito recebe a sala de cinema itinerante Cine Tela Brasil

Foto: Caroline Bittencourt
Milhares de crianças e adolescentes já participaram do projeto Cine Tela Brasil que retorna a Rio Bonito no próximo mês.

Mais de um milhão de pessoas já passaram pelas salas de cinema itinerante do Cine Tela Brasil, que chega a Rio Bonito nos dias 02, 03 e 04.05. O projeto, idealizado pelos cineastas Laís Bodanzky e Luiz Bolognesi (Bicho de Sete Cabeças, Chega de Saudade, As Melhores Coisas do Mundo e Uma História de Amor e Fúria), surgiu em 2004, com o sonho de levar o cinema nacional a quem não tem acesso.  Desde então, visita as mais remotas cidades no interior do país, assim como as periferias das grandes metrópoles.

Exibe filmes como Rio, As Melhores Coisas do Mundo e Eu e Meu Guarda-Chuva, em quatro sessões diárias. Em Rio Bonito ficará na Rua Antonio Meireles (Bairro Mangueirinha). “Com os patrocínios, apoio do Ministério da Cultura e leis de incentivo, hoje temos duas salas de cinema que cortam o país e chegam onde o público está. Assim, realizamos o sonho de muita gente, que pisa no cinema pela primeira vez. É sempre emocionante acompanhar uma sessão”, afirmaLaís Bodanzky. “As taxas de ocupação são as maiores do país, de 88%”, completa Luiz Bolognesi.

A estrutura é de shopping, mas o ingresso é de graça. São 225 lugares com assentos acolchoados e ar condicionado. A projeção cinemascope 35mm é feita em uma tela de 21m², com som stereo surround.

Números

O projeto já passou por mais de 430 cidades e realizou mais de 5200 sessões de 93 filmes nacionais. Em nove anos, mais de um milhão de pessoas entraram na sala do Cine Tela Brasil, sendo que a maioria, pela primeira vez.

O Cine Tela Brasil cresceu e deu origem a projetos com foco nos jovens e professores.  Nas Oficinas Tela Brasil os estudantes aprendem técnicas de cinema e ganham ferramentas para contar as próprias histórias. O aprendizado continua na web, no TelaBr (www.telabr.com.br), o primeiro portal brasileiro de educação audiovisual. O espaço reúne oficinas virtuais nas quais é possível percorrer todo o processo de produção de um filme até chegar à sala de cinema, além de reunir dicas de bibliografia, filmografia e notícias sobre a sétima arte. No portal, professores ainda tem acesso a um material de apoio para usar as produções cinematográficas como um recurso didático em sala de aula.

A CCR ViaLagos é responsável, desde 1997, pela administração da RJ-124, a Rodovia dos Lagos. Com 57 quilômetros de extensão, liga Rio Bonito a São Pedro da Aldeia, passando por Araruama e Iguaba Grande. Foi a terceira concessionária a integrar o Grupo CCR.

O Grupo CCR é uma das maiores corporações de concessão de infraestrutura da América Latina, com atuação nos setores de concessão de rodovias, mobilidade urbana, aeroportos e serviços relacionados. Comprometido com o desenvolvimento sustentável, assinou o Pacto Global da ONU e está presente no ISE – Índice de Sustentabilidade Empresarial da BM&FBovespa. Possui um consistente histórico de incentivo à cultura, levando produções brasileiras de qualidade para regiões com maior carência cultural. Mais de 2 milhões de pessoas já tiveram acesso às iniciativas patrocinadas pelo Grupo CCR, por meio de projetos de circo, cinema, teatro, dança, música, exposições e outras manifestações artísticas.


Cine Tela Brasil em Rio Bonito
Patrocínio: CCR
Datas: 02 a 04 de maio
Endereço: Rua Antonio Meireles (Bairro Mangueirinha).
Ingressos: Grátis
Lugares: 225

Programação

Quinta-feira (02.05)
08h00 Rio
10h00 Eu e meu Guarda Chuva
13h30 As Melhores Coisas do Mundo
15h30 À Beira do Caminho

Sexta-feira (03.05)
08h00 Rio
10h00 Eu e meu Guarda Chuva
13h30 As Melhores Coisas do Mundo
15h30 À Beira do Caminho

Sábado (04.05)
14h00 Rio
16h00 Eu e meu Guarda Chuva
18h00 As Melhores Coisas do Mundo
20h00 À Beira do Caminho

Fonte: Ascom/CCR ViaLagos

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Só tem "PICARETA"!


Flávio Azevedo

Um dos assuntos comentados na Câmara de Vereadores na reunião dessa quinta-feira (25/04) foi a já tradicional má prestação de serviço da Companhia Estadual de Águas e Esgotos (CEDAE). Segundo o vereador Márcio da Cunha Mendonça, o Marcinho Bocão (DEM), no Cajueiro, há um mês não cai água. O parlamentar disse ainda, que dias atrás um funcionário da referida empresa segredou que eles estão enfrentando sérios problemas, entre eles bombas queimadas que não são substituídas e a falta de ferramentas para executar as atividades. Na minha modesta opinião, pode estar faltando pá, enxada, enxadão e outras ferramentas, porque PICARETA, essa está sobrando na CEDAE. Aliás, desde o comando até os escalões inferiores, só tem PICARETA!

Apesar de na última semana, o município ter assinado com a CEDAE, um contrato para a realização de obras que levarão água para o 2º Distrito (obras orçadas em cerca de R$ 11 milhões), a insatisfação com a estatal é geral. O presidente da Câmara, vereador Reginaldo Ferreira Dutra, o Reis (PMDB), disse que está insatisfeito, inclusive, com o diretor do núcleo local da CEDAE. “Ele é de Saquarema e não conhece a realidade de Rio Bonito. Isso tem que ser revisto!”, disparou.

Vale ressaltar que não é tão fácil como parece comprar briga com o Estado! O único que tentou esse tipo de coisa foi o Sr. Mandiocão (ex-prefeito de Rio Bonito), que sofreu o diabo na mão da oposição por não concordar com as condições impostas por "malandrinho Cabral". Aliás, no seu primeiro governo, munido de alguns amigos, Mandiocão acampou por alguns dias no Salto de Braçanã e impediu que a água do 3º Distrito fosse desviada para Tanguá (quem não lembra disso?).

O governo do Estado deveria ser convidado a se retirar de Rio Bonito. Não oferecem água e tratamento do esgoto como deveria; não oferecem Segurança, a Educação só funciona por conta da capacidade e dedicação dos nossos profissionais da área; e essa tal de UPA só veio confundir a cabeça das pessoas (não seria mais oportuno investir no Hospital Darcy Vargas?).

Eu estou cansado de escrever e falar sobre isso, mas em Rio Bonito tem uma monte de gente frouxa, umas pessoas subservientes, gente que gosta de ser explorada e colonizada... Ou seja, as famosas viúvas do atraso! Aliás, se na CEDAE o volume de PICARETAS é grande, no cenário político não é diferente. Quando não é PICARETA é MALA, e todas elas sem alça e sem rodinha.

Entretanto, nós não podemos reclamar, porque mais PICARETA é quem vota! Um bando pilantra que vota com o estômago e com o bolso. Prostitutas e prostitutos que se vendem pela bagatela de R$ 50,00. Enquanto essa realidade permanecer, nós vamos continuar na M...

O "Cavalo de Tróia"


Flávio Azevedo

Munido de um Pen Drive, o Office Boy de determinada empresa riobonitense vai a Prefeitura local entregar alguns arquivos. Ao retornar e recolocar o equipamento no seu computador, ele descobre que trouxe consigo cerca de 20 Cavalos de Tróia (vírus de computador). Ele retorna a Prefeitura e reclama com o servidor. Todo sem graça, o funcionário explica que além da famosa dívida, o gestor anterior deixou muito Cavalo de Tróia nos computadores da Prefeitura. E completou: “os de Tróia ele deixou aí, os cavalos Manga Larga, porém, foram todos para as suas fazendas!”.

Os amigos que me desculpem, mas ao saber da história de um Pen Drive voltando cheio de vírus Cavalo de Tróia, depois de ser conectado a uma das máquinas da Prefeitura  de Rio Bonito, eu não poderia deixar de bolar essa rápida alegoria!   

Atrações pelos festejos dos 167 anos de Rio Bonito

Denilson Santos



A prefeitura de Rio Bonito está preparando uma grande festa para comemorar os 167 anos de emancipação do município. A festa começa no dia 1º de maio com um Torneio de Futevôlei no campo do Cruzeiro Futebol Clube, em comemoração ao dia do trabalhador. Os dias mais esperados estão entre 3 a 7 de maio, onde acontecem vários shows no espaço de eventos do bairro Mangueirinha, como Preta Gil, Bruna Karla, Zé Ricardo e Thiago, Bochecha e os grupos de pagode Pique Novo, Ta na Mente e Nosso Sentimento. Além dos shows, o publico também poderá acompanhar o Circuito Intermunicipal de Futsal Feminino, Torneio de Futebol Sub 11, filmes com o Cine Tela Brasil, desfile cívico escolar e a Sessão Solene da Câmara Municipal, entre outras atrações.

Os shows começam na sexta-feira (03/05), às 20h, com a União de Pastores Evangélicos de Rio Bonito e Adjacências (UNIPAS), que reúne pastores e grupos musicais de várias igrejas evangélicas da cidade. Logo em seguida se apresenta a cantora evangélica Bruna Karla, às 22 horas.

No sábado (04/05) quem se apresenta é o grupo Tá na Mente, que vai cantar alguns dos sucessos do seu DVD, como 'Não Há Limites', 'Vida Que Segue', 'Fato Consumado', 'Fica', 'Se Eu Pudesse Conversar Com Deus', entre outros. Já no domingo (5/5) é a vez dos grupos, Pique Novo e Nosso Sentimento que já fizeram boas apresentações na cidade.

No domingo (5/5), o sertanejo invade a cidade. A dupla Zé Ricardo e Thiago, formada em 2009, irão cantar sucessos do seu primeiro CD e DVD gravado ao vivo. O grande hit da dupla “Sinal Disfarçado virou febre entre os jovens e conquistou rádios e baladas de todo o Brasil.

Na segunda-feira (6/5), o ritmo que domina a festa é o funk, com show cantor Bochecha, que vai cantar seus novos e antigos sucessos que estão presentes no DVD ‘Buchecha — 15 anos de Sucesso. O hit que também não vai faltar no show é “Hot Dog”, sucesso na novela Avenida Brasil e que conquistou o país.

Animação não deve falta no dia do aniversário do município. A cantora Preta Gil é a grande atração da festa que começa às 22 horas.  A cantora deve repetir o mesmo sucesso que faz no carnaval, onde o Bloco da Preta arrasta cerca de meio milhão de pessoas pelas ruas do Centro do Rio. Durante todos os dias da festa haverá matinês para as crianças a partir das 18 horas.

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Críticas do porta voz do governo expõe fragilidades da gestão Solange Almeida


Flávio Azevedo

O amigo Nadelson foi um personagem muito presente na vitoriosa campanha da prefeita Solange Almeida. Entretanto, cerca de cinco meses depois de iniciado o governo, ele, que tem o nome cotado para ocupar o cargo de Secretário Municipal de Comunicação Social, está na berlinda e, já há algum tempo, vem sendo muito questionado internamente.

Devo revelar aos amigos, que no dia 10 de outubro de 2012, durante um encontro com a prefeita eleita, eu questionei a escolha do seu nome e apontei outros colaboradores dela para o cargo. Por exemplo, o amigo Flávio Rodrigues (Flávio Fk), sujeito que tem formação na área; é servidor de carreira do município; também esteve no grupo de campanha da prefeita; e parece ter bom trânsito com o grupo.

Aliás, aproveito a oportunidade para lembrar o nome da amiga Vera Lucia (atualmente na equipe do vice-prefeito Anderson Tinoco). Ela também é formada em Comunicação Social; acompanha a prefeita desde quando ela era vereadora; e parece ter bom trânsito com as pessoas.

Ao ouvir as minhas colocações, a prefeita disse que Nadelson foi escolhido porque trabalhou muito bem o seu Facebook de campanha. Ela também ressaltou que pensava a Comunicação atuando mais internamente (dentro do grupo de trabalho) que externamente (para o público). A prefeita, que sempre diz em conversas informais que “não gosta de comunicação”, embora fale muito em qualquer lugar que está, precisa rever esses conceitos. Aliás, como dizia o saudoso Abelardo Barbosa, o Chacrinha: “quem não se comunica se trumbica!”.

Discordo com veemência de algumas opiniões do Nadelson, mas olhando pelo prisma da prefeita, ele está exercendo com excelência o seu papel, porque as críticas que ele faz ao próprio grupo, com raríssimas exceções, estão corretíssimas. Só um cego não consegue enxergar as deficiências da atual gestão. Problemas que saltam aos olhos a cada esquina da cidade. Ruas escuras, entulhos nas calçadas, entre outros serviços básicos que não estão sendo prestados, mostram que Nadelson pode até não ser o “rei da cocada”, mas acerta muito mais do que erra em suas críticas!

Todavia, como acontece no futebol, onde os maus resultados são atribuídos ao treinador, que acaba sendo demitido depois de seguidas derrotas (por que não trocam os jogadores ou o presidente do clube), me parece que tirar Nadelson será o caminho mais curto para se resolver problemas que na verdade foram originados pela falta de gestão; de comando e de competência administrativa. Por outro lado, sobra centralização de poder e escolhas equivocadas ainda na transição do governo.

Como dizia o pensador: “quem viver verá!”.

terça-feira, 23 de abril de 2013

Diga não a festa de aniversário de Rio Bonito!


Flávio Azevedo

É muito grande a ansiedade dos riobonitenses em saber quais serão as atrações que irão se apresentar na cidade, em razão do aniversário de 167 anos de emancipação política e administrativa de Rio Bonito. Aliás, já vejo, entre muitos, um clima de apreensão! Até agora, porém, confirmado oficialmente, apenas o tradicional Desfile Cívico e a Sessão Solene dos vereadores, eventos do dia 7 de Maio (dia do aniversário).

Aos mais afoitos, eu devo lembrar que uma das reclamações direcionadas pela oposição (hoje governo), ao ex-prefeito José Luiz Antunes, é que “ele é um sujeito “festeiro” e que só sabe construir praçinhas”. A oposição justificava essa crítica sob o argumento de que “Rio Bonito precisava mesmo é de um governo que priorize a Saúde e a Educação”.

Sendo assim, a minha dica é que não se realize festa alguma pelo aniversário do município. E deixo uma dica: a Prefeitura deveria, nesses dias de festa, promover um mutirão de reforma das escolas municipais (elas estão precisando). Também poderia fazer um mutirão de doação de sangue (outra grande necessidade)... Tudo isso com a presença de todos os riobonitenses.

Sinceramente, eu creio que essa seria uma forma interessante de priorizar a Saúde, a Educação. Além disso, nós não perderíamos tempo com essa bobagem de festas, que só trazem prejuízos e não tem nenhuma serventia! A verdade é que o governo de festas já passou! Agora, o negócio é Saúde e Educação! Pensemos nisso!

domingo, 21 de abril de 2013

A bênção, padre Eduardo Braga!


Flávio Azevedo

O padre Eduardo Braga (E), pároco da Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição, tem sido um instrumento de Deus na sociedade riobonitense.
Eu já escrevi em outras oportunidades sobre o respeito que eu tenho pelo padre Eduardo Braga. Aliás, sempre que nos encontramos eu o cumprimento com um pedido: “a sua bênção, padre!”. Dia desses, sabedor da minha origem evangélica, um amigo questionou o meu pedido. Perguntei a esse amigo: “quando eu peço a bênção ao padre, o que ele me responde?”. Ele disse: “Deus te abençoe!”. Diante da resposta eu concluí: “pois é amigo, na minha concepção, bênção nunca é demais e eu preciso muito das bênçãos de Papai do Céu!”.

Escrevo isso, porque várias pessoas vieram me contar que na missa das 8h, desse domingo (21/04), padre Dudu comentou esse fato, agradeceu o carinho e respeito que eu tenho por ele; e disse que em muitas oportunidades ele é mais respeitado por pessoas de outros credos que pelos próprios católicos. E ele tem razão, porque o volume de católicos que eu encontro, insatisfeitos, com os seus justos “puxões de orelha” diante de certos comportamentos é muito grande!

Eu agradeço ao Padre Eduardo Braga por fazer parte do seu círculo de amigos, agradeço o carinho e atenção que ele sempre dispensa ao Flávio Azevedo pessoa e profissional de Comunicação Pessoal; e desejo que as bênçãos de Deus circundem o seu ministério e dêem a ele muita Saúde, paciência, inspiração e discernimento.

Concluo lembrando aos amigos, que o hábito de pedir, ou não, a bênção é fruto da Educação familiar. Na minha infância, por exemplo, os meus pais me ensinaram a pedir a bênção aos mais velhos e o hábito ficou. Já adulto, eu comecei pedir a bênção ao Monsenhor Guedes, e me enchia de conforto a sua resposta: “Deus te abençoe sempre, meu filho!”.

Por isso, para você que lê esse texto, sempre acompanha o meu Blog e segue as minhas postagens no Facebook, eu também desejo que Deus lhe abençoe sempre e que você, em suas rezas e orações, não se esqueça de pedir a Deus pelo padre Eduardo Braga e também por este jornalista. Que Deus nos abençoe!